Notícias

22.11.2016

Duplas veteranas unem foras para sobreviverem no universo sertanejo

Não é por acaso que a gravadora Universal Music está pondo no mercado fonográfico o CD e o DVD Clássico – com o registro ao vivo do show que reúne as duplas sertanejas Bruno & Marrone e Chitaõzinho & Xororó – no momento em que outras duas duplas, Victor & Leo e Zezé Di Camargo & Luciano, já acenam com a possibilidade de se saírem em turnê em 2017 com o show que já andaram apresentando extra-oficialmente neste ano de 2016. 

Mais do que nunca, a união pode representar força adicional para essas duplas em um mercado sertanejo renovado pela onipresença de popstars juvenis como o cantor sul mato-grossense Luan Santana. O universo sertanejo passou por processo de transformação ao longo da última década. A linguagem da música sertaneja ficou mais pop, distanciando o público de duplas veteranas como a formada pelos irmãos paranaenses Chitãozinho & Xororó, em atividade desde a década de 1970. Mesmo duplas reveladas mais recentemente, como Victor & Leo, tiveram que se ajustar ao tom pop do atual mercado sertanejo para não perderem o público e o bonde da história (no caso de Victor & Leo, dupla mais jovem, a guinada estética foi especialmente bem-sucedida nos dois últimos discos).
 
Clássico, o projeto fonográfico que junta os goianos Bruno & Marrone com Chitãozinho & Xororó, procura falar a língua jovem do sertanejo pop, não através do repertório, formado basicamente por sucessos das duas duplas, mas por meio da produção de Dudu Borges, o nome mais requisitado para formatar discos sertanejos no tom fluido dos dias de hoje. 
 
De todo modo, produção à parte, Clássico ainda tem como atrativo a reunião de duas duplas de gerações distintas e a interação entre elas. No momento em que o mercado sertanejo vive boom feminino, a reboque do sucesso da cantora e compositora goiana Marília Mendonça, os antigos astros masculinos do gênero tem que se adaptar aos novos tempos para dissiparem a aura de decadência que já gravita ao redor deles. Não é à toa que o cantor paulista Daniel acaba de lançar álbum produzido pelo mesmo requisitado Dudu Borges.
 
Clássico dificilmente vai dar a Bruno & Marrone e a Chitãozinho & Xororó a projeção, o status e a popularidade de tempos idos. Mas é projeto que dá (alguma) sobrevida mercadológica a essas duas duplas já enraizadas em algum lugar do passado do universo sertanejo.

Copyright © 2011     |     Café e Viola - Todos os direitos reservados     |     Telefone: (34) 3061-8192